Siga os bons exemplos e crie sua Rádio Comunitária – 6 Final

Antonio Paiva Rodrigues

A validade da concessão das rádios comunitárias terá validade por três anos. Normalmente o prefixo é 87,9 MHz, mas foram concedidas mais de uma dezena de canais alternativos para Pais inteiro. A Democracia deve ser respeitada e qualquer membro da comunidade poderá emitir opiniões abordadas na emissora, manifestar ideias, propostas, sugestões, reclamações ou reivindicações, devendo observar apenas o momento adequado da programação. A Assembleia Geral, órgão máximo da decisão, será convocada ordinariamente uma vez por ano, sempre no primeiro trimestre, para avaliação dos trabalhos desenvolvidos, prestação de contas do exercício anterior pela Diretoria executiva. Será difícil encontrar uma emissora comunitária que esteja obedecendo todas as obrigações a elas destinadas.

A venda de horários é um câncer que desmotiva qualquer profissional de comunicação. Essa venda faz parte do lucro que vai para os bolsos dos responsáveis pelas rádios na maioria dos casos. O certo seria um depósito em uma conta bancária para custear as despesas da emissora e também contribuir com alguém da comunidade que esteja doente, ou mesmo em situação financeira precária.

Uma empresa de radiodifusão bem organizada segue o seguinte esquema: Produtos – Programação – Espaço Publicitário – Anunciantes – Ouvintes e Clientes. O ouvinte recebe, portanto, programação e publicidade. Paga pela primeira, ao consumir os serviços e produtos veiculados. Por sua vez, o anunciante, alugando o espaço, custeia a programação. Internamente, a empresa de radiodifusão sonora organiza-se conforme seus objetivos e recursos.

A Assembleia Geral, órgão máximo de decisão, será convocada ordinariamente uma vez por ano, sempre no primeiro trimestre, para avaliação dos trabalhos desenvolvidos, prestação de contas do exercício anterior Pela Diretoria Executiva, aprovação do Plano de ação anual, homologação da composição do Conselho Comunitário e discussão de assuntos gerais da entidade e/ou das comunidades envolvidas. São órgãos da Associação de Difusão Comunitária: Assembleia Geral, Diretoria Executiva, Conselho Comunitário e Conselho Fiscal. A Diretoria Executiva será composta de 11 cargos, a saber: Presidente; Vice-presidente; Secretário-Geral; Segundo Secretário; Tesoureiro, Segundo Tesoureiro; Diretor de Operações; Vice-Diretor de Operações; Diretor e de Comunicação Social; Vice-Diretor Cultural e de Comunicação Social e Diretor de Patrimônio Cultural.

Não é fácil como se imagina dirigir uma rádio Comunitária que esteja voltada totalmente para a comunidade, mas imaginamos o desconhecimento de uma grande maioria dos direitos e obrigações dos dirigentes de uma Rádio Comunitária. Ao desobedecerem a essas ordenações, os responsáveis se sentem como proprietários das emissoras, no entanto, além de ser uma concessão pública, a Direção Executiva é que deve dar a destinação devida ao bom andamento da Rádio e seu sucesso diante da comunidade em que está inserida. Em outra oportunidade falaremos sobre a formação das diretorias, das rádios e das associações e suas atribuições.

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *