Governador de Pernambuco defende mais investimentos em energia solar

Governador Eduardo Campos nos estúdios da Rádio ONU

Em entrevista à Rádio ONU, Eduardo Campos comentou resultado da Rio + 20 e falou sobre políticas de sustentabilidade no Brasil; segundo ele, Nordeste está no centro dos debates sobre o tema

MÍDIA | Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York

O governador de Pernambuco afirmou, nesta terça-feira em Nova York, que o Brasil precisa “buscar o caminho da energia solar.” Durante uma entrevista à Rádio ONU, Eduardo Campos, afirmou que o Nordeste está “no centro dos debates” sobre energias renováveis. Campos, que é presidente nacional do Partido Socialista Brasileiro, PSB, disse que a produção de energia hidrelétrica e eólica já está bem difundida. Mas segundo o governador pernambucano, faltam investimentos em energia solar no Brasil.

“Esse é um caminho que a gente precisa colocar na nossa matriz, colocar nas compras regulares do governo de energia. E com certeza aí o Nordeste vai levar uma grande vantagem, nós temos sol quase o ano inteiro. Poderemos dar uma grande contribuição para uma matriz cada vez mais limpa. Além da eficiência energética, as técnicas de produção de alimentos com menos água, tudo isso dialoga com a realidade nordestina de maneira muito direta”. Eduardo Campos ressaltou também a necessidade de projetos de combate à mudança climática. O governador pernambucano lembrou que os nordestinos são carentes nesta área, e continuam sofrendo com a maior seca dos últimos 50 anos, além de enchentes que deixaram 80 mil desabrigados em 2010. Eduardo Campos está em viagem oficial a Nova York, onde veio receber da Assembleia Geral dois prêmios por iniciativas de gestão pública em Pernambuco.

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *